Doze cuidados avançados para a prevenção de acidentes no trânsito

Lauro Pedot *

Por que doze? Doze é um número intrigante e muito simbólico. Doze é o número de apóstolos de Cristo; doze é o número de signos do zodíaco; doze é o número de meses do nosso calendário; doze é a quantidade de países independentes da América do sul; doze são os ciclos lunares durante um ano solar; dúzia, uma das bases numéricas da civilização sumérica, é uma coleção de doze. Interessante, não é?

Com base na importância e no simbolismo do doze, foi  escolhido este número para relembrar de algumas interessantes dicas para a segurança no trânsito, são elas:

  1. Calibrar adequada e regularmente os pneus do veículo, colabora para diminuir o desgaste deles, reduz o consumo de combustível e para que a frenagem seja mais eficiente e eficaz;
  1. As lanternas de freio em bom funcionamento reduzem em mais de 29% o risco de colisões traseiras, portanto é importante manter os equipamentos de sinalização e iluminação em boas condições, sem alterá-los, bem com os faróis devidamente regulados;
  1. Dirigir estando bem, física e mentalmente, sem o efeito de medicamentos, drogas, álcool, sem cansaço excessivo ou sono é indispensável;

 

  1. Diminua a velocidade ao aproximar-se das “cabeceiras” de pontes, pois normalmente há umidade acumulada e desnível no pavimento;
  1. Ao percorrer uma curva evite movimentos bruscos na direção, e frenagens ou acelerações bruscas, diminua a velocidade antes de transitar nela;
  1. Transitar com os faróis baixos ligados durante o dia, torna 64,3% mais visível o seu veículo, evita acidentes, faz com que seu veículo seja visto a maior distância;
  1. O cinto de segurança é obrigatório a todos os ocupantes do veículo; em caso de acidente evita que os ocupantes sejam projetados para fora, que choquem-se uns nos outros e nas partes duras do veículo;
  1. Manter a distância frontal de segurança evita colisões na traseira de outros veículos, cansa menos, colabora para efetuar ultrapassagem com segurança, pois você verá uma distância maior da rodovia à sua frente;
  1. Nos cruzamentos, atingir o centro da via transversal para dobrar à esquerda evita muitos acidentes;
  1. Respeitar o direito à preferência nas rotatórias, nas rodovias e quando veículos transitarem, em local não sinalizado, em direções que se cruzem respeitar o direito de preferência ao veículo que estiver à direita;
  1. Sinalizar com os indicadores de mudança de direção (“pisca-pisca”) antes das manobras colabora para que os outros condutores façam a previsão dos atos de quem sinaliza, evitando acidentes;
  1. A sinalização das vias públicas, equivale às dicas de um navegador experiente e que conhece perfeitamente as características da via, portanto é importante que seja obedecida.

A listagem de dicas importantes, não terminam aqui.

Importantíssimo lembrar que as ruas, estrada e rodovias são espaços públicos, isto é, de propriedade de todos, portanto é o local onde devem prevalecer os atos de cortesia, de calma, de respeito mútuo e de civilidade.

30 - Lauro Pedot

Lauro Pedot – 1º Ten RR Consultor em Trânsito

Share and Enjoy:
  • Print
  • Digg
  • StumbleUpon
  • del.icio.us
  • Facebook
  • Yahoo! Buzz
  • Twitter
  • Google Bookmarks

URL curta: http://www.abcdaseguranca.org.br/?p=7339

Publicado por em out 27 2015. Arquivado em ARTIGOS & COLUNAS, Jorn 235, Ten Pedot. Você pode acompanhar quaisquer respostas a esta entrada através do RSS 2.0. Comentários e pings estão desabilitados.

Os comentários estão desabilitados!

Imagens

120x600 ad code [Inner pages]
Por Laboratorio Web